LIGHTS OUT (2016)

Lançado em 2013, o curta-metragem “Lights Out” chamou atenção pela simplicidade do enredo e pela impressionante capacidade de assustar.  Nele, o medo do escuro, outrora subestimado e considerado infantil, é tratado com a maturidade que merece. Chega aos cinemas essa semana sua adaptação cinematográfica, cujo desafios eram ampliar o alcance e contextualizar melhor o material de origem.

modeloComo filme de terror, o longa de David F. Sandberg funciona muito bem. A trama é extremamente bem conduzida e o suspense, construído de forma envolvente, equilibra perfeitamente a exposição de informações com os mistérios intrigantes. Os clichês estão presentes, principalmente em forma de Jump Scares, mas nada que prejudique a experiência de forma permanente.

No entanto, o grande diferencial aqui é a constatação de que, se retirados os elementos que marcam o gênero terror, “Lights Out” se torna um drama familiar consistente. Os personagens são bem desenvolvidos e apresentam motivações concretas. A protagonista Rebecca (Teresa Palmer), por exemplo, é construída com uma profundidade atípica. Suas atitudes são coerentes e o roteiro apresenta ainda a preocupação de mostrar facetas de sua personalidade que à primeira vista parecem irrelevantes, mas que na realidade geram empatia. O foco em sua vida amorosa ilustra bem esse aspecto.

As performances também contribuem para a qualidade. A carga emocional da matriarca da família exigia uma atriz competente e Maria Bello se mostrou ter sido a escolha perfeita. Teresa Palmer dá conta do recado de transmitir emoções que vão muito além da simples expressão de susto. A única ressalva seria com relação ao ator mirim, Gabriel Bateman, que até se esforça mas não consegue passar espontaneidade.

Em conclusão, “Lights Out” deve agradar os fãs. Os elementos responsáveis pelo sucesso do curta estão também presentes no longa, que alcança com êxito seu objetivo de transferir suas qualidades de um formato para o outro


FICHA TÉCNICA:

Título original: Lights Out
Título nacional: Quando as Luzes se Apagam
Gênero: Terror
Duração: 1h 21min.
Ano de lançamento: 2016
Direção: David F. Sandberg
Roteiro: Eric Heisserer, David F. Sandberg
Elenco: Teresa Palmer, Gabriel Bateman, Maria Bello

IMDb | Rotten Tomatoes | Filmow

Anúncios

Um comentário em “LIGHTS OUT (2016)

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: