LA LA LAND (2016)

Na virada do século, havia grandes expectativas em M. Night Shyamalan. O diretor fora comparado a Spielberg por diversos críticos e tudo indicava, até o lançamento de seu quarto filme, que a sua carreira apontava para o absoluto sucesso. Entretanto, o diretor se perdeu em projetos extremamente auto referenciais e o pedantismo tomou conta. Expectativas, às vezes, não se tornam concretas, mas – felizmente – às vezes sim. Depois de “Whiplash” e agora com “La La Land”, tudo indica que Damien Chazelle entrará de cabeça no lado positivo da expectativa.

Continuar lendo “LA LA LAND (2016)”

Anúncios

MANCHESTER BY THE SEA (2016)

Além do incentivo indireto à pirataria, outro grande problema do descaso que os distribuidores brasileiros demonstram com a importação dos filmes internacionais é a privação da nossa oportunidade de vê-los antes do surgimento do hype. Os exemplos mais recentes desse fenômeno dizem respeito aos favoritos ao Oscar 2017, que estão presentes no circuito internacional há meses, mas somente agora chegam ao Brasil. Esse tipo de notoriedade em torno das obras acaba criando uma expectativa que prejudica experiência de apreciá-las pela primeira vez. Mas este não é o caso de Manchester By The Sea, novo longa de Kenneth Lonergan que, por sorte, é grandioso o suficiente para sair ileso.

Continuar lendo “MANCHESTER BY THE SEA (2016)”

PASSENGERS (2016)

A expectativa em torno de “Passengers” justificava-se pelo fato de reunir duas das mais rentáveis estrelas da atualidade: Jennifer Lawrence e Chris Pratt. Com roteiro de Jon Spaihts e direção de Morten Tyldum, o filme chega aos cinemas com o desafio de mostrar que é mais do que uma simples reunião de astros e conquistar seu espaço em meio a tantas obras com temáticas similares.

Continuar lendo “PASSENGERS (2016)”

INFERNO (2016)

Por algum motivo, Ron Howard foi novamente incumbido de adaptar um livro de Dan Brown. Mesmo após as decepções que foram os filmes de “O Código da Vinci” e “Anjos e Demônios”, as expectativas estavam altas para “Inferno”. No entanto, Howard fez de novo. Ele conseguiu transformar uma obra envolvente, com um trabalho de pesquisa primoroso e capaz de gerar um debate sobre o acelerado crescimento populacional em uma grande bobagem. Começo a desconfiar que seja pessoal.

Continuar lendo “INFERNO (2016)”

BEFORE I WAKE (2016)

O ano de 2016 vem se mostrando, até o presente dia, um ótimo ano para filmes de terror. Obras como: “The Conjuring 2”, “Lights Out” e “Don’t Breathe” carregam a bandeira do gênero na linha de frente dos lançamentos. Todos esses bons filmes, apesar de alguns deslizes aqui e ali. E para engrossar o caldo, chega “Sono da Morte” (Before I Wake, 2016) filme com Jacob Tremblay no elenco.

Continuar lendo “BEFORE I WAKE (2016)”